Robson do Val

Tudo pronto para 3ª edição da Fligê

Entre os dias 16 e 19 de agosto deste ano, a cidade histórica de Mucugê, na Chapada Diamantina, será, pela terceira vez, o palco daquela que já se tornou uma das mais importantes feiras literárias da Bahia.

Embora seja realizada na Chapada, a feira é organizada, desde a primeira edição, pelo Coletivo Lavra, em Vitória da Conquista.  No lançamento oficial da programação da Fligê para a imprensa, realizado no Museu Henriqueta Prates, os organizadores revelaram os detalhes da programação deste ano, que terá como tema - “Literatura e resistência: a vida nos rastros da palavra”, e fará uma homenagem especial à literatura produzida pelas mulheres.

Além de diversas palestras e oficinas sobre literatura, a Fligê tem ainda uma variada programação cultural, que envolve, entre outras coisas, algumas boas apresentações musicais. Já a Fligezinha, que acontece dentro do evento maior, tem o objetivo de plantar a semente do gosto pela literatura no público infantil.

Entre os nomes confirmados estão o de Ana Buarque de Hollanda, cantora, compositora e atriz, o da poetisa, jornalista e também cantora e atriz, Elisa Lucinda, e o do cantor e compositor paraibano Chico Cesar.

Targino Gondim e Lucy Alves antecipam o São João em Vitória da Conquista

Dois dos maiores representantes do forró vão estar juntos em Vitória da Conquista no próximo dia 02 de junho. A apresentação reunirá todos os ingredientes necessários para que o público da cidade comece a comemorar, antecipadamente, a mais tradicional das festas da cultura nordestina.

Targino Gondim é, sem dúvida, um dos principais nomes do nosso forró atualmente. Representante legítimo do chamado forró pé de serra, ele vem propagando de maneira incansável e obstinada a obra do mestre Luís Gonzaga. Compositor inspirado, cantor e sanfoneiro competente, Targino é garantia de boa festa. 

Já a paraibana Lucy Alves, que é originária do grupo Clã Brasil, que formava junto com as irmãs, ganhou projeção nacional depois de participar de um reality show musical na Rede Globo. Ela acabou se tornando uma das principais representantes femininas do tradicional ritmo nordestino.

A sua performance nos palcos e o seu enorme carisma, lhe valeram também o convite da Globo para atuar na tela da emissora em algumas novelas, onde pôde mostrar o seu surpreendente talento como atriz. Além de uma belíssima voz, Lucy encanta o público pela maestria no manejo da sanfona.

Colunas anteriores