Cidade

Rui Costa anuncia edital para a ponte de Salvador a Itaparica

O anúncio foi feito durante o Papo Correria

A arte mostra a ponte ligando Salvador à ilha de Itaparica
A arte mostra a ponte ligando Salvador à ilha de Itaparica

O edital para a construção da ponte ligando salvador à Ilha de Itaparica será publicado no Diário Oficial desta quarta-feira (18 de setembro), anunciou o governador da Bahia, Rui Costa.

A empresa chinesa Sichuan Road and Bridge Group (SRBG) confirmou o interesse em participar da licitação para construção da Ponte Salvador-Itaparica.

O investidor que vencer a disputa terá o direito de explorar a ponte por 35 anos.

Para o vice-governador e secretário de Desenvolvimento Econômico, João Leão, o interesse demonstrado pela empresa cria boas expectativas para o leilão, marcado para novembro, na Bolsa de Valores de São Paulo.

“Esse é o quarto consórcio que mostra interesse em construir a nossa ponte e isso mostra a força de nosso projeto. Essas empresas vão concorrer e que vença a que oferecer as melhores condições para a Bahia. É uma obra que irá trazer benefícios maravilhosos para nosso estado", afirmou Leão. 

“A SRBG é uma das maiores referências na construção de pontes em todo mundo. Eles nos apresentaram a experiência deles construindo pontes em diversas partes da Europa e Ásia. A empresa já tinha nos contatado antes, mas, desta vez, o presidente veio liderando a comitiva, mostrando o forte interesse em participar da nossa licitação”, acrescentou o secretário da Casa Civil, Bruno Dauster.

O senador Jaques Wagner (PT), destacou que o equipamento poderá ser um novo vetor de expansão da capital e que pode aproximar Salvador do sul do Estado e do sul do País, “facilitando o tráfego de mercadorias e de pessoas também para uma região que tem muito turismo”.

A prefeita de Itaparica, Marlylda Barbuda, disse torcer para que a ponte chegue o quanto antes. "Temos certeza que ela trará benefícios, como maior arrecadação e proximidade com a capital. Nós já temos visto um movimento de aquisição de imóveis. Com a ponte, temos a possibilidade de organizar a cidade de uma melhor forma", disse.

Presidente da ONG Pró-Mar, voltada para a conservação da Baía de Todos-os-Santos, José Roberto Caldas Pinto, conhecido como Zé Pescador, destaca que "o projeto é muito importante e deve ser pensado não apenas no sentido de ser um atalho entre a Ilha de Itaparica e a capital. É preciso pensar também a questão da sustentabilidade. As audiências são importantes porque dão legitimidade e reforçam o compromisso de uma obra bem executada. Então, a gente vê o projeto com bons olhos".

O projeto

O Sistema Rodoviário Ponte Salvador-Ilha de Itaparica criará um novo vetor de desenvolvimento no estado, beneficiando 10 milhões de habitantes em cerca de 250 municípios.

Com a construção da ponte e demais intervenções viárias do projeto, a Ilha de Itaparica, o sul do Recôncavo e o território do Baixo Sul terão o crescimento socioeconômico estimulado, como ocorreu no Litoral Norte após a construção da Estrada do Coco e da Linha Verde.

Orçado em R$ 5,34 bilhões, com aporte de R$ 1,51 bilhão do Governo do Estado, o projeto abre perspectiva para que a região diretamente impactada receba, durante a concessão, investimentos públicos e privados três vezes maiores do que os recursos gastos na obra.

A Ponte Salvador-Ilha de Itaparica, que será a segunda maior da América Latina, terá 12,3 quilômetros de extensão e ocupará a 23ª posição no ranking mundial de pontes.