Brasil / Mundo / Política

Programa de TV alemã compara Bolsonaro a Borat

Presidente brasileiro foi associado a um bobo da corte e protagonista de filme de terror

Foto: Reprodução/ Extra 3
Programa humorístico alemão Extra 3
A atração é exibida em horário nobre da rede de televisão pública alemã

O presidente Jair Bolsonaro (PSL) foi comparado ao personagem Borat, criado pelo humorista britânico Sacha Baron Cohen, durante o programa humorístico alemão Extra 3 da noite dessa quinta-feira (15 de agosto). A informação é da Deutsche Welle (DW). 

Na atração, exibida em horário nobre da rede de televisão pública alemã, o presidente ainda foi associado a um bobo da corte e protagonista do clássico de terror Massacre da serra elétrica. De acordo com a reportagem do jornal alemão, o programa satirizou o presidente brasileiro por cerca de cinco minutos, criticando a política ambiental adotada pelo seu governo e o desmatamento da Amazônia. 

"Um sujeito que não pensa nem um pouco sobre sustentabilidade e emissão de CO2 é o presidente brasileiro, Jair Bolsonaro, o 'Trump do samba'. Mas alguns dizem também 'o boçal de Ipanema'", disse o apresentador Christian Ehring, em frente a uma montagem de Bolsonaro vestindo a sunga usada pelo personagem Borat.

"Bolsonaro deixa a floresta tropical ser destruída para que gado possa pastar e para que possa ser plantada soja para produzir ração para o gado", emendou. Ehring também falou sobre o acordo comercial negociado entre a União Europeia e o Mercosul, classificando de "romance destrutivo". 

No programa, o presidente ainda foi chamado de “bobo da corte do agronegócio" e também foi apresentado um videoclipe de uma paródia da música Copacabana chamada de “Bolsonaro-Song”. 

Veja a comparação: