Cidade / Economia

Motoristas de ônibus farão greve nesta quinta-feira (16 de maio)

Sindicato dos Rodoviários revindicam um aumento salarial de 8%

Foto: Bruno Concha/PMS/SECOM
Os motoristas de ônibus pleiteiam um reajuste salarial de 8%

Os motoristas de ônibus farão greve nesta quinta-feira, 16 de maio.   De acordo com o vice-presidente do Sindicato dos Rodoviários da Bahia, Fábio Primo, toda a categoria vai vai parar por tempo indeterminado.

Amanhã, terça-feira, 14 de maio, haverá uma reunião entre patrões e empregados no Tribunal Regional do Trabalho (TRT) , no bairro de Nazaré. Os motoristas de ônibus pleiteiam um reajuste salarial de 8% e 15% no tíquete refeição.  O empresariado concordou em conceder 3,33% de reajuste salarial e, por isso, não houve acordo.

Os motoristas ainda reivindicam ao patronato um ônibus para atender aos trabalhadores nos terminais de linha, a diminuição do  'turnão' - plantão do final de semana e, a  contratação de profissionais oriundos da escolinha do sindicato.

Fábio Mota, titular da Secretaria de Mobilidade Urbana (Semob), afirma mediar as rodadas de nogiciações.