Palco

Festivais na Bahia lembram os 172 anos do nascimento de Castro Alves

As inscrições estão abertas até 8/3

Crianças, jovens e adultos participam do 18º Festival de Declamação de Poemas de Antônio de Castro Alves e do 5º Festival Infantil de Declamação de Poemas de Antônio de Castro Alves na tarde do sábado (9/3) no Parque Histórico Castro Alves (PHCA), localizado na Fazenda Cabaceiras (em Cabaceiras do Paraguaçu, Recôncavo baiano, a 170 km de Salvador) – local onde nasceu o poeta.

Os festivais fazem parte das comemorações pelos 172 Anos de Nascimento do Poeta Castro Alves, a ser comemorado em 14 de março.

As inscrições estão abertas até 8/3 e podem ser feitas no PHCA (Praça Castro Alves, 106, Centro, Cabaceiras do Paraguaçu/BA) e/ou pelo telefone (75) 3681-1102; de segunda a quinta-feira das 9h às 12h e das 14h às 17h.

No sábado (9) serão selecionados os cinco melhores declamadores nas categorias adulto e infantil.

Os jurados analisam originalidade (criatividade utilizada para a apresentação do poema), dicção (clareza das palavras pronunciadas na declamação), fluência verbal (correção e a pronúncia das palavras) e fidelidade ao texto (exatidão e o respeito a todos os versos e palavras do poema).

O júri será composto por professores, historiadores, diretores de teatro, escritores e representantes da Diretoria de Museus (Dimus) da Secretaria de Cultura do Estado (Secult).

Dia 14, além das atividades solenes realizadas em parceria com a Prefeitura Municipal de Cabaceiras do Paraguaçu, a programação retorna ao PHCA para as premiações dos concursos (quando os cinco primeiros colocados de cada categoria se apresentam novamente às 11h) e atrações culturais diversas, como a abertura da exposição temporária “Aurora” do artista visual Denissena, às 10h; apresentação cultural do Grupo de Samba Mirim Raízes do Paraguaçu, às 10h30; apresentação do Grupo de Samba de Roda de Dona Dalva, de Cachoeira, às 14h.

Dia 15 as comemorações seguem às 20h com o espetáculo "Se pisar no meu pé eu grito!”, da Companhia Desabafo Teatral da cidade de Cruz das Almas (texto e direção de Hildebrando Sena). Depois, às 21h, acontece uma roda de diálogo com o elenco e a direção sobre as temáticas abordadas.

Uma iniciativa da Diretoria de Museus do Instituto do Patrimônio Artístico e Cultural da Bahia (Dimus/Ipac) – já é tradição na cidade e reúne pessoas de diversas regiões e de todas as idades que prestam homenagem ao grande poeta baiano, autor de Espumas Flutuantes, Vozes D’África e O Navio Negreiro, entre outros.

A responsável pela DIMUS, Fátima Santos, explica que o festival foi criado para homenagear o poeta Castro Alves e incentivar a juventude a usar a poesia para manifestar seus sentimentos. “Os poemas do grande poeta expressam o seu romantismo, o seu amor à pátria, além do intenso sentimento libertário”, acrescenta.

A coordenadora do PHCA, Diogenisa Oliva, acrescenta que, além de toda a programação especial, o público pode aproveitar para conhecer o museu que conta a história de Castro Alves e que vem realizando atividades diversas. 

"Travamos uma batalha para manter viva a obra de Castro Alves para que a nova geração conheça seus escritos e compreenda a atualidade de sua obra", ressalta Diogenisa Oliva, coordenadora do PHCA.

Programação:

Dia 9/3
13h - 5º Festival Infantil de Declamação de Poemas de Castro Alves e 18º Festival de Declamação de Poemas de Castro Alves.

Dia 14/3

5h – Alvorada
7h – Missa Festiva em homenagem ao Poeta Castro Alves (Igreja São João Batista)
8h – Abertura da Feira Cultural da Secretaria de Educação de Cabaceiras do Paraguaçu (Praça Castro Alves).
9h – Chegada do 1º Passeio Ciclístico em homenagem ao Poeta Castro Alves (Praça Castro Alves).
9h30 – Maratona do Poeta (Praça Castro Alves).
10h – Abertura da exposição temporária “Aurora” – Artista visual Denissena (PHCA).
10h30 – Apresentação cultural do Grupo de Samba Mirim Raízes do Paraguaçu (PHCA).
11h – Premiação dos vencedores do 5º Festival Infantil de Declamação de poemas e do 18º Festival de Declamação de Poemas de Castro Alves (PHCA).
14h – Apresentação do Grupo de Samba de Roda de Dona Dalva – Cachoeira/Ba (PHCA).
15h – Palco livre para homenagens ao Poeta (PHCA).

Dia 15/3
20h – Espetáculo "Se pisar no meu pé eu grito!”. Companhia Desabafo Teatral da cidade de Cruz das Almas/Ba. Texto e direção: Hildebrando Sena (PHCA).
21h - Roda de diálogo com o elenco e a direção sobre as temáticas abordadas.