Política

Wagner diz que votaria em Alckmin em 2º turno contra Bolsonaro

A declaração foi dada em Brasília durante a cerimônia de posse do ministro Dias Toffoli como presidente do STF (Supremo Tribunal Federal)

Foto: Divulgação

O ex-governador e candidato ao Senado, Jaques Wagner (PT), afirmou nesta quinta-feira (13) que apoiaria o candidato a presidente Geraldo Alckmin (PSDB), caso ele fosse para o 2º turno contra o presidenciável Jair Bolsonaro (PSL).

“Eu irei apoiar quem for contra o Bolsonaro, independente da posição do PT, mas não acho que isso vai acontecer. Acho que o Haddad vai para o segundo turno em qualquer cenário, mas se o Bolsonaro for para o segundo vou apoiar quem for contra ele, seja o Alckmin ou Ciro”, disse.

A declaração foi dada em Brasília durante a cerimônia de posse do ministro Dias Toffoli como presidente do STF (Supremo Tribunal Federal).