Brasil / Curiosidades / Saúde

Veja os benefícios da natação

A circulação de quem nada moderadamente fica melhor

Foto: Freeimages/Creative Commons
A natação ajuda a melhorar a postura

Mas, será mesmo? Sim! A natação trabalha todos os grupos musculares, o ritmo respiratório, a braquiação, fortalece o abdômen, a dorsal, desenvolve a cintura escapular, a caixa torácica, entre outros tantos benefícios.

Motivos não faltam para começar a nadar. De baixo impacto, a natação pode ser praticada por todas as idades, sem restrições. No meio aquático não há quase gravidade e, por isso, a possibilidade por lesão por agente externo é mínima. Ela alonga o corpo e ajuda a manter as articulações soltas e flexíveis. Fortalece a musculatura cardíaca e, com isso, diminui as chances de doenças cardiovasculares.

Como trabalha muito a respiração, previne da asma e aumenta a capacidade respiratória. Sem falar que reduz o nível de diabetes, melhora o colesterol e ajuda a perder peso. De acordo com o treinador olímpico de natação, técnico da seleção brasileira entre 1986 e 2008, Hugo Lobo, a modalidade é eficaz para tratar a bronquite e a asma por “dilatar brônquios, alvéolos, pulmões e melhor a respiração celular e a eficiência das organelas que transportam desoxirribonucleico e saturação”.

O esporte também pode ser recomendado para a reabilitação de pacientes que sofreram algum tipo de acidente. A musculatura fica relaxada na água e o copo ganha maior mobilidade, favorecendo o manuseio e a realização de movimentos por parte do fisioterapeuta.

A natação ajuda a melhorar a postura. Ela aumenta a flexibilidade da coluna e pode auxiliar na remoção de dores ocasionadas pela posição inadequada do corpo. A capacidade aeróbica do praticante também colhe os benefícios do esporte, que exige muito da respiração e requer uma grande quantidade de oxigênio.

A circulação de quem nada moderadamente, entre 30 minutos e uma hora, pelo menos, duas vezes por semana, fica melhor. A modalidade facilita o transporte de nutrientes e oxigênio para células, músculos e órgãos.

Para quem busca emagrecer e diminuir medidas, vale a pena optar pela natação. Na água, os músculos trabalham até seis vezes mais do que em terra e, com isso, o gasto calórico é maior do que em outras atividades.

Se você procura um esporte para ajudar a combater a ansiedade e a depressão, a natação pode ser uma boa indicação. Nadar libera endorfina, o hormônio do bem-estar e do prazer que elevam o humor. A modalidade é eficaz ainda na redução de pânico e sentimento de tristeza porque utiliza técnicas repetidas de respiração que são meditativas e aliviam a tensão.