Esportes

Seleção tem casa cheia para o primeiro treino na Rússia

A preparação da Seleção Brasileira para a Copa do Mundo começou no ultimo dia 21 de maio

Foto: Lucas Figueiredo/CBF
Na arquibancada, cerca de quatro mil torcedores compareceram
Na arquibancada, cerca de quatro mil torcedores compareceram

Às 9h55 da manhã (madrugada no Brasil), os primeiros jogadores da Seleção Brasileira pisaram no gramado do campo 2 do Centro de Treinamento anexo ao Swissotel Resort Camélia, a casa da equipe na cidade de Sochi, na Rússia.

O céu completamente azul, o sol brilhante refletindo o ouro sobre as superfícies da arquibancada e o verde vibrante do gramado deram uma aura acolhedora ao acanhado estádio.

Ficou fácil perceber que, ali, treinaria a única equipe cinco estrelas do planeta. Na arquibancada, cerca de quatro mil torcedores compareceram para assistir ao primeiro treino aberto do time brasileiro em território russo, programão para o dia de feriado no país. 

A cada grupo de atletas que entrava no gramado, o público, formado em grande parte por crianças e adolescentes russos e estrangeiros, aplaudia e gritava os nomes dos jogadores.

Ao redor do estádio, muita gente tentando entrar ou brigando por um espaço na grade do viaduto que passa bem ao lado do CT. Todos de olhos vidrados para o campo, onde Tite e a comissão técnica comandaram um trabalho intenso dando continuidade à preparação para a Copa do Mundo.

Enquanto de um lado do campo, os goleiros Alisson, Ederson e Cássio treinavam com o preparador Taffarel, do outro lado a comissão dividiu em dois o grupo de atletas. Aqueles que foram titulares na vitória contra a Áustria no último domingo trabalharam a parte física. Já os atletas que entraram no decorrer da partida ou ficaram no banco de reservas no amistoso participaram de atividade com bola.

O meio campo Fred foi a única ausência na atividade aberta ao público. O jogador ficou  no campo 1 aos cuidados da fisioterapia.

– A Copa começou já faz um tempo. Estamos nos preparando forte e mostrando que estamos prontos – disse Geromel.

O zagueiro, ao lado de Douglas Costa, Fagner e Renato Augusto, formou o time de colete que enfrentou Filipe Luís, Marquinhos, Taison e Roberto Firmino em treinamento para aprimorar a velocidade dos passes diante de uma marcação sob pressão. Fernandinho fez o papel de jogador coringa, podendo participar das ações nas duas equipes. Em seguida, esse grupo trabalhou jogadas de ataque contra defesa, com os goleiros se revezando na tentativa de parar os ataques construídos por Douglas Costa, Taison, Firmino, Fernandinho e Renato Augusto.  

O primeiro treino da Seleção Brasileira na Rússia foi acompanhado de perto pelo presidente da CBF, Antonio Carlos Nunes, e pelo chefe de delegação do Brasil, Rogério Caboclo. Quem também marcou presença foi o Canarinho, que, ao fim das atividades, fez a festa dos torcedores e chutou bolas para a galera. Os jogadores brasileiros foram à beira do gramado, tiraram fotos e atenderam aos fãs.

– Clima perfeito hoje. Esse sol maravilhoso. A gente está feliz com esse carinho da galera e o apoio da torcida. Está tudo dentro do previsto, perfeito – elogiou Neymar.

Aniversariantes ganham ‘surpresa’

Já na parte final do treino aberto, a torcida se divertiu com a “surpresa” que os atletas prepararam para os aniversariantes Philippe Coutinho e Fagner. Autor de um dos gols no último amistoso, Coutinho completa 26 anos nesta terça-feira. Já Fagner fez 29 anos ontem, dia 11. Como é tradição no futebol, os dois foram presenteados pelos companheiros com chuva de farinha e ovos. O momento arrancou risadas dos torcedores e animou o fim do primeiro treino brasileiro.   

A preparação da Seleção Brasileira para a Copa do Mundo começou no ultimo dia 21 de maio na Granja Comary, em Teresópolis. Foram sete dias de trabalho antes do embarque para Londres, onde a Seleção ficou por mais dez dias.

Durante esse período, o time comandado pelo técnico Tite realizou dois amistosos, contra a Croácia e a Áustria. O Brasil venceu os dois duelos. O primeiro por 2 a 0 e o segundo por 3 a 0. Agora, a preparação entra na etapa mais importante a cinco dias para a estreia no Mundial. A Seleção Brasileira enfrenta a Suíça no dia 17 às 15h (horário de Brasília), em Rostov. 

No meio de tanta gente, um grupo de torcedores brasileiros chamou a atenção nas arquibancadas.


Foto: CBF

Wallace Leite, Suzi Barros e mais dois amigos brasileiros viraram a atração durante a manhã ensolarada. A turma contagiou o público russo e estrangeiro com suas roupas com as cores da bandeira nacional dos pés à cabeça, apitos, o grave do bumbo e repertório de clássicos da música popular brasileira na ponta da língua.

– Somos um grupo de mais ou menos 15 a 20 pessoas, que vive em diferentes partes do mundo. Nós viajamos para as Copas desde 1986. Somos independentes. Nos organizamos a cada quatro anos e sempre levamos esse carnaval por onde a gente passa  – explica a pernambucana Suzi enquanto o marido continuava a toda no bumbo e no gogó.  

O casal mora na Califórnia há 30 anos. Ela trabalha com moda e ele é analista de sistemas. Segundo Suzi, não é barato custear as viagens atrás da Seleção, mas a paixão pelo futebol brasileiro supera qualquer dificuldade. É claro, sempre com muita organização para não quebrar o orçamento. 

Para levantar a galera, o grupo canta desde os clássicos da música popular brasileira “País Tropical” e “Mas que nada” até sucessos do samba e do sertanejo. Não tem erro. Por onde passam, ninguém fica parado. Ganham fãs, tiram fotos e dão entrevistas para jornalistas de todo o mundo.   

Para a Copa do Mundo da Rússia, os ingressos já estão garantidos para acompanhar o Brasil até uma possível final.

– Daqui vamos para Moscou ver a abertura da Copa do Mundo e depois já vamos para Rostov assistir à estreia do Brasil. Estamos muito confiantes, feliz pelo Tite no comando da Seleção. Torcemos muito por ele – encerrou.

A Seleção Brasileira enfrenta a Suíça no dia 17 às 15h (horário de Brasília), em Rostov.