Bahia / Segurança

Adolescente confessa estupro e morte de garota de 10 anos

Caso aconteceu em Camaçari, no último dia 17; ele diz não ter arrependimento

O adolescente J.J.S. confessou ter estuprado e matado a garota Milena Alves, 10 anos, em Camaçari, no dia 17 de maio.  O adolescente foi apreendido ontem (20), junto com a mãe, dentro de um carro em Mata de São João e levado para a  36ª Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM).

O rapaz  confessou que estava monitorando a garota há dois meses e sabia os horários nos quais ela saía para a escola junto com a mãe e a hora em que chegava em casa. Ele matou a menina porque 'ela gritava muito'. "Ele disse que esganou a Milena porque ela estava gritando muito durante o estupro. Ele não mostra nenhum tipo de arrependimento", disse a delegada Maria Teresa, titular da 4ª Delegacia de Camaçari.

Segundo a delegada, o garoto , a princípio, ía roubar alguns itens da casa, porém, ele disse ter se 'encantado' com a garota e resolveu violentá-la.  O adolescente arrumou o corpo da menina, cobrindo com um lençol e trocou de roupa, deixando uma bermuda com mancha de sangue na residência.  

A menina foi encontrada morta na cama pela mãe, que tinha acabado de chegar do trabalho. Ele foi detido e encaminhado para a Delegacia de Mata de São João para adoção das medidas cabíveis.