Carnaval / Cidade / Entretenimento

Carnaval nos Bairros tem do sertanejo aos Novos Baianos

A folia momesca invade também os palcos montados nos bairros

Foto: Euler Paixão/AGECOM
A festa começa amanhã nos bairros da Boca do Rio, Cajazeiras, Itapuã, Liberdade e Periperi

Com shows do sertanejo Dan Valente, o arrocha do Kart Love, o samba de Jú Moraes e o reggae da Diamba, a folia momesca invade também os palcos montados nos bairros da capital baiana.

A festa começa começa neste sábado (10) nos bairros da Boca do Rio, Cajazeiras, Itapuã, Liberdade e Periperi, com os primeiros shows começando às 19h.

No total, serão 51 apresentações em sete palcos implantados pela Prefeitura em locais centrais de cada localidade, contando com toda a infraestrutura de serviços da gestão municipal. Plataforma e Pau da Lima terão as atividades iniciadas no domingo e na segunda-feira, respectivamente.

Agendado para agitar a folia de Itapuã, neste sábado, o sertanejo Dan Valente debuta na festa e promete um show dançante para os foliões. “Estou muito feliz e ansioso por esse momento. Isso mostra que a aceitação do sertanejo é muito grande e que o Carnaval da Bahia tem lugar para todo mundo. Vou montar um repertório elétrico, misturando canções minhas com a de outros artistas. Vai ser demais!”, anuncia.

Paulinho Boca - Responsável por agitar a galera na madrugada de domingo, em Itapuã, o novo baiano Paulinho Boca de Cantor vai levar para a folia a alegria dos velhos bailes de Carnaval. "É sempre uma experiência legal tocar no Carnaval de Salvador e, nos últimos anos, tenho realizado um trabalho interessante na folia dos bairros. É uma forma interessante que a Prefeitura encontrou de descentralizar a festa e aproximar do cidadão que mora mais distante do Centro aqueles artistas de sua preferência e que muitas vezes se apresentam em horários complicados nos circuitos oficiais".

Paulinho Boca traz para a folia 2018 um projeto que fala do combate à intolerância e à discriminação de toda ordem. Intitulado "Seja o que você quiser", o show, que será dividido em blocos, terá grande apelo voltado para a defesa da liberdade expressão. "Terá um pouco de tudo, como um grande baile de músicas ininterruptas: frevos eternos, MPB, samba e muita coisa de Novos Baianos, pois a nova geração está cada dia mais presente nos shows e pedindo sempre algo da banda, que era do gosto de seus pais, mas que passou a eles como herança. E eu me preocupo muito com essa preservação da história para passar às novas gerações", diz o cantor, que em 2018 completa 42 carnavais em cima do palco.

Como carro-chefe da folia 2018, o artista traz a canção "Porta Aberta", presente do amigo Léo Santana, que também assina a composição, além de participar da gravação em dueto com Vieira. "Ela será minha música de trabalho para o Carnaval, mas é claro que vou aproveitar a folia para ir mostrando algumas músicas novas que temos como opções também para o São João. Será um termômetro e a novidade maior é que estou na expectativa da chegada de meu segundo filhinho, que pode nascer a qualquer momento no Carnaval", lembra.

Programação - A festa começa, na Boca do Rio, com o axé de Amanda Santiago, ex-vocalista da Timbalada. Em seguida, a cantora e apresentadora Carla Cristina leva toda sua alegria para o palco. A noite ainda conta com apresentações dos grupos Samba de Ladainha, Axé Forever e o arrocha da banda Kart Love.

Em Cajazeiras, a festa terá a presença da sambista Jú Moraes, o embalo da música latina de Jorge Zarath, o axé de Katê e o suingue de Attooxxa e toda energia da banda Duas Medidas. Ex-vocalista do Olodum, o cantor Lucas di Fiori dá início à folia no bairro boêmio de Itapuã. A festa segue com a mãe da axé music, Sarajane, seguida da energia ancestral de Ana Mametto. Mais tarde, o sertanejo Dan Valente toma conta da festa, seguido do forró da Banda Zefa Di Zeca.

No bairro considerado o berço da negritude soteropolitana, a folia começa com o samba de Will Carvalho, seguido do forró pé de serra do sanfoneiro Targino Gondim. Mais tarde é a vez de Márcia Short comandar a festa, seguida de Edu Casanova e Pietro Bem Sertanejo.

Grande atração da primeira noite de festa em Periperi, a banda de reggae Diamba completa 22 anos de carreira neste Carnaval, e aposta na canção “A vida é bela para quem sabe amar", do álbum "Setas indicam a direção", lançado em 2016, e que pode ser ouvido e baixado em Plataformas digitais como Itunes, Deezer e Spotify.

Na folia de 2018, o grupo vai entreter os fãs nos bairros de Periperi, Boca do Rio e também quem for curtir a festa no Palco Multicultural, no Terreiro de Jesus. Além de reggae, a primeira noite de festa no bairro contará também com o rock do Superfly, o samba de A Grande Família, o pagode do Pagodart e o axé de Amanda Santiago.