Esportes

Corinthians leva 4 na Flórida

Fábio Carille alterou a equipe e escalou uma formação cheia de improvisações

Foto: Corinthians
O Timão sofreu a virada no segundo tempo e foi derrotado por 4 a 2
O Timão sofreu a virada no segundo tempo e foi derrotado por 4 a 2

Parecia que o Corinthians deixaria os Estados Unidos neste sábado com uma bela vitória, mas bastou entrar o time reserva e tudo mudou. Após abrir 2 a 0 na primeira etapa, o técnico Fábio Carille alterou a equipe, escalou uma formação cheia de improvisações, o Rangers cresceu e virou a partida para 4 a 2, em Orlando, na despedida do time paulista da Florida Cup.

Pensando na estreia no Campeonato Paulista, Fábio Carille fez uma alteração no considerado time titular, visando o confronto contra a Ponte Preta, nesta quarta-feira, no estádio do Pacaembu, em São Paulo. Ele colocou o lateral-esquerdo Guilherme Romão no lugar de Juninho Capixaba, que não terá condições de jogo por não ter sido inscrito dentro do prazo.

A formação que iniciou a partida foi Cássio; Fagner, Balbuena, Pedro Henrique e Guilherme Romão; Gabriel, Jadson, Romero, Rodriguinho e Clayson; Kazim.

O garoto Guilherme Romão apareceu bem. Com estilo de jogo parecido com o de Guilherme Arana, titular no ano passado e que foi para o Sevilla, o lateral-esquerdo de 20 anos chegou bastante ao ataque, deixou alguns espaço na defesa, mas mostrou personalidade e até acertou um chute no travessão logo aos oito minutos.

Tendo mais espaço do que teve contra o PSV Eindhoven na última quarta-feira, o time titular abriu a vantagem sem dificuldades no primeiro tempo. Aos 31 minutos, Kazim tocou para Jadson, que cruzou da direita para Rodriguinho aparecer livre dentro da área e mandar para as redes. Aos 40, Romero acertou lançamento para Kazim. O turco dominou, carregou para a área e bateu cruzado, sem chances para o goleiro. Um belo gol.

No segundo tempo, Fábio Carille mudou praticamente todo o time. Apenas Cássio permaneceu na partida. A formação ficou com Cássio; Mantuan, Léo Santos, Warian e Maycon; Camacho, Renê Júnior, Marquinhos Gabriel, Pedrinho e Lucca; Júnior Dutra.

Como esperado, o time caiu de rendimento e o Rangers tomou conta do jogo. Ainda com Cássio no gol, os escoceses descontaram aos 17 minutos. Hoodson cobrou falta e Morelo desviou para as redes. Em seguida, Caíque França entrou no gol corintiano. Mantendo a pressão, o time escocês empatou aos 25 em uma jogada parecida com o primeiro gol. Morelos cruzou da direita, a bola atravessou toda a área e Halliday encheu o pé para igualar o placar.

Com a defesa completamente desorganizada e cheia de improvisos, o Corinthians levou a virada. Aos 31 minutos, mais uma vez o Rangers chegou com liberdade, desta vez pela esquerda, com Murphy, que tocou para trás e Morelos, novamente, bateu firme e virou o jogo.

Claramente perdido, o Corinthians não esboçou reação. Pelo contrário. Era o Rangers quem tinha mais iniciativa e como prêmio chegou ao quarto gol. Aos 36 minutos, bela troca de passes. Dálcio tabelou com Tarvenier e cruzou. Caíque França desviou e deixou a bola na medida para Tarvenier mandar para o fundo do gol e ampliar a vantagem.

O elenco do Corinthians deixou os Estados Unidos neste sábado mesmo e chega ao Brasil neste domingo. Na segunda-feira, os jogadores se reapresentam no CT Joaquim Grava, em São Paulo, visando a temporada. O time estreia no Paulistão nesta quarta-feira contra a Ponte Preta.