Esportes

O momento certo para Messi deixar o Barcelona

Em meio ao caos administrativo no Camp Nou, o City é especulado como destino do craque... ?pular do barco? pegaria mal?

Foto: Divulgação

Pep Guardiola estava orgulhoso de sua equipe. Afinal de contas, ainda que não tenha conseguido a vitória dentro de casa, sobre um bom time do Everton, mostrou poder de recuperação com um homem a menos e conseguiu o empate por 1 a 1 na segunda-feira (21).

No entanto, uma das principais respostas dadas pelo treinador catalão após o jogo não foi sobre o que aconteceu dentro do gramado. Perguntado sobre a possibilidade de contratar Messi para o Manchester City, Guardiola disparou: “Se algum time está disposto a pagar € 300 milhões por Messi [cerca de R$ 1,1 bilhão], é porque tem esse dinheiro. E, se quiser, vai pagar”.

A possibilidade de o Manchester City contar com Messi começou a tomar forma com a congruência de algumas notícias. Na última semana, o presidente do clube inglês prometeu que faria, ainda nesta janela de transferências [que se encerra em 1º de setembro], a maior contratação da história, ultrapassando os € 200 milhões pagos pelo PSG por Neymar. Junto a isso, veio a surpresa de que o camisa 10 do Barcelona ainda não assinou o novo contrato, válido até 2021, com o Barça.

O interesse do Manchester City em Messi não é coisa nova. Em julho, a TV3 noticiou que o argentino teria demonstrado vontade de reencontrar o seu mentor, Guardiola, no Etihad Stadium. A vida seguiu, e a novela envolvendo a sua renovação com o Barcelona parecia ter encontrado um final feliz há um mês.