TRÂNSITO AO VIVO
quarta-feira, 28 de junho de 2017
FIQUE SABENDO AGORA
PUBLICIDADE
Esportes

Bahia x Galícia jogam o Clássico das Cores

Em 2014 houve o reencontro e dessa vez a Arena Fonte Nova foi o palco

Publicada em 18/03/2017 09:55:22

“O ano de 2017 tem um sabor muito especial para dois times muito tradicionais do nosso estado. Eles tem tanta semelhança que foram criados na mesma data, porém a diferença entre Bahia e Galícia são de dois anos. A década de 30 foi muito significativa com amplo domínio de Bahia e Galícia no futebol baiano por suas conquistas e também pelo motivo de se enfrentarem várias vezes. Em 2014 houve o reencontro e dessa vez a Arena Fonte Nova foi o palco.

 É amigos o Galícia mais uma vez aprontou das suas e de virada derrotou o Bahia por 2 a 1, se a missão é demolir pode chamar o granadeiro do Parque Santiago que ele resolve. Neste sábado às 18h30 um novo capítulo será escrito nessa historia belíssima”. Um resumo do texto do baiano, publicitário e apaixonado por futebol, Lucas Cézar, publicado no site htesports.com.br traz um belo retrospecto do Clássico das Cores.

Mas, desta vez, o Galícia que se cuide. Depois da eliminação da Copa do Brasil pelo Paraná, que balançou as estruturas do CT do Fazendão, o Bahia volta à Arena Fonte Nova com sede de gols, determinado a jogar o seu melhor futebol para reconquistar a confiança da aborrecida torcida Tricolor para as fases decisivas do Campeonato Baiano e Copa do Nordeste. Guto Ferreira até poderia poupar alguns jogadores, mas pelo trabalho da semana, ele coloca suas melhores opções para começar o clássico das cores.

Finalizando a sua preparação para o jogo na tarde de ontem, o Bahia enfrentará o lanterna do Campeonato Baiano. De acordo com informações da assessoria de imprensa do clube, o técnico Guto Ferreira aproveitou a última atividade antes da partida para aprimorar a parte tática da equipe.

O elenco do Esquadrão também treinou jogadas de bolas paradas. Faltas, escanteios e laterais foram trabalhadas.
Sobre o atacante Maikon Leite, o técnico Guto Ferreira falou que o jogador ainda está longe da forma técnica ideal. “Tem coisas que começaram a aparecer, mas ainda está longe do Maikon que a gente queria que fosse e que o torcedor já viu. Se o torcedor criar uma expectativa muito grande em relação a ele, pode se decepcionar”, disse o treinador tricolor.

SIGA O LEIAMAIS
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
EDIÇÃO ONLINE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE