TRÂNSITO AO VIVO
quinta-feira, 29 de junho de 2017
FIQUE SABENDO AGORA
PUBLICIDADE
Segurança

Polícia realiza diligências para prender acusados de atentados contra módulos

por
Thiago Pereira
Publicada em 07/09/2009 15:18:39
Foto: Vaner Casaes
Criminosos dispararam diversos tiros contra módulos policiais de Salvador.
Criminosos dispararam diversos tiros contra módulos policiais de Salvador.
A Polícia Militar realiza diligências desde o início da manhã desta segunda-feira (07) com o objetivo de identificar e prender os responsáveis pelos atentados a quatro módulos policiais localizados em Salvador. Os ataques ocorreram por volta das 5h, quando cerca de 12 homens armados dispararam diversos tiros contra unidades localizadas no Uruguai, Ribeira, Estações Pirajá e Mussurunga.

Segundo informações preliminares do comando-geral da PM, a ação está vinculada à transferência do traficante Cláudio Eduardo Campanha para o presídio de segurança máxima de Campo Grande, estado do Mato Grosso do Sul.

No módulo do Uruguai, o sargento Flaviano Caetano Boa Morte foi atingido no braço e no tórax após trocar tiros com os criminosos. Ele foi socorrido para o PAM de Roma e transferido para o Hospital Geral do Estado (HGE), onde se encontra consciente, com quadro médico estável e fora de perigo.

Na Estação Pirajá, os soldados Uelinton Barbosa dos Santos e Israel Conrado de Araújo foram baleados e encaminhados para o Hospital Roberto Santos. Uelinton foi ferido de raspão na cabeça, sem risco de morte. Israel, ferido nas duas pernas, apresenta quadro de hemorragia. Todos os PMs feridos são acompanhados por oficiais médicos do quadro de saúde da PM.

E acordo com os policiais, três acusados de cometer os ataques aos módulos foram mortos em uma troca de tiros ocorrida nesta manhã. O confronto foi iniciado logo após os atentados, quando uma guarnição da Companhia de Ações Especias do Litoral Norte (CAEL) iniciou uma perseguição a um Fiesta preto, de placa JPS-2097.

Nas imediações do Hiper Posto na Avenida Antonio Carlos Magalhães, os acusados deram início ao tiroteio e foram baleados. Jeferson Oliveira Santos, Danilo dos Santos Souza e um terceiro sem identificação, morreram antes que pudessem ser levados a um hospital. No carro foram encontradas munições de diversos calibres, uma touca preta, dois revólveres calibre 38, uma pistola 380 e dois celulares.

SIGA O LEIAMAIS
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
EDIÇÃO ONLINE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE